domingo, 3 de dezembro de 2017

#185 - Luzes de Natal

claramente mais um domingo comum por aqui. lavei e hidratei o cabelo. pintei as unhas de vermelho e já borrei tudo. até porque se não borrasse não seria eu, não é mesmo?

o que eu mais gosto do final do ano é esse sentimento de final de um ciclo. eu gosto desse clima, panetones no supermercado, luzes de Natal - se bem que esse ano estão bastante reduzidas as luzes -, contagem regressiva para as festas. eu amo filmes natalinos também. ontem mesmo estava assistindo mais um com os meus pais.

esse ano foi um dos anos que mais coisas mudaram na minha vida. foi tanta mudança, tanto desafio e tantas superações. eu nunca poderia imaginar que teria tanta força e autocontrole como tive esse ano.

acho que posso usar esse clima de está acabando o ano para agradecer todas essas oportunidades que a vida me deu! eu vivo reclamando por aí, mas tenho muito o que agradecer também. agradecer por mais esse ano, por todos os ensinamentos. pelo coração mais experiente.

tenho que pensar nas minhas metas para 2018 e acredito que posso colocar no topo da lista "cultivar o amor próprio" e "agradecer mais vezes". vou anotar isso por aqui.

meu coração continua aberto. cada vez mais eu vejo que superei o velho amor. semana passada conversei sobre isso com uma amiga, realmente estou melhor. eu sinto que estou melhor. e tirando uma ou outra cara quebrada com os crushes, tá tudo certo!

quero férias para fazer vários nada! por favor!

quero uma tatuagem também: reciprocidade.

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

#184 - Não mudaria uma vírgula do que eu sinto


Queria que ele falasse comigo e me poupasse dessa aflição de "falo ou não?". Não... Eu queria ser líquida como todo mundo. Esse lance de falo com você por uma semana, um mês, um semestre e sumo depois, sem dar satisfação. Parece cruel, né? Mas é a realidade, cíclica e verdadeira na minha vida.

Isso me deixa chateada, porque eu não sei sentir um pouquinho. Se eu abro espaço e dou uma chance pra alguém é porque eu enxerguei verdade nessa pessoa. Talvez eu esteja precisando de uns óculos. Vai saber...

Estou chateada com o universo, real. Cansada de ser "enganada". Vou continuar me amando sozinha e dedicando todas as músicas fofas para mim! Porque, por pior que pareça, eu sou minha melhor opção.